O bom julgador por si se julga…

Consta que o ainda presidente do Eurogrupo, Jeroen Dijsselbloem, terá afirmado que “Durante a crise do euro, os países do Norte mostraram solidariedade com os países afetados pela crise. Como social-democrata considero a solidariedade extremamente importante. Mas quem exige também tem obrigações. Não posso gastar tudo em copos e mulheres e depois pedir ajuda. Este princípio aplica-se a nível pessoal, local, nacional e inclusive a nível europeu”.

Ora como sabemos, aquilo que pensamos dos outros tem, muitas vezes, mais a ver connosco próprio do que com os outros. De resto o próprio presidente teve a honestidade de falar na primeira pessoa. Assim, pelo menos, já sabemos quais são os hábitos de Jeroen Dijsselbloem quando visita um dos ditos “países do Sul”…

 

One thought on “O bom julgador por si se julga…

  1. Infelizmente este tipo de comportamento alastrou se pela nossa sociedade.
    A sociedade esta cada vez mais consumidora, gerando graves problemas a todos os níveis (desde ambiental ate as relações interpessoais ), mas o julgamento é o vizinho do lado..

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s