Quando se desencadeia uma tragédia pessoal

A vida traz-nos, por inerência, situações complicadas, dolorosas, difíceis de ultrapassar. Mas há que seguir em frente.

Comece por admitir que está a passar por uma situação difícil. Não serve de nada seguir em frente, sorrindo e fingindo (consciente ou inconscientemente) que não se passa nada. Depois aceite os factos tal como eles são. Por mais difícil que seja há que aceitar a realidade, conformarmo-nos, para podermos seguir em frente.

Agora que que já admitiu e aceitou a inevitável situação, tente adaptar-se à nova realidade. Uma má notícia, o desemprego, um falecimento, tantos outros acontecimentos negativos que acabam por inevitavelmente acontecer na nossa vida, requerem uma “socialização secundária”, uma nova adaptação já que, muito ou pouco, na realidade há sempre algo que muda na nossa vida.

Finalmente pode e deve tomar as medidas convenientes para ultrapassar a resolver a situação. Se há alguns fatos que não têm propriamente uma solução (como o falecimento de um familiar), outras situações difíceis podem requere ações diretas (por exemplo, no caso de uma doença ou do desemprego, pode e deve tomar medidas para resolver, ultrapassar  e restabelecer a situação).

Em memória da minha avó, falecida no passado dia 6 de março.

 

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s